Como foi o mercado ontem:

Nesta quarta-feira os principais índices americanos caíram acentuadamente, revertendo os ganhos do início do dia, depois que o Centro de Controle e Prevenção de Doenças confirmou o primeiro caso da variante Ômicron nos EUA. A Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou que ao menos 23 países de 5 de 6 regiões do globo já detectaram casos da variante, e que “espera que esse número aumente”. O número de hospitalizações por conta de casos graves de Covid está crescendo na África do Sul, mas a OMS afirmou que ainda não é possível avaliar se a alta se deve à variante Ômicron.

• Dow: (-1,34%)
• S&P: (-1,18%)
• Nasdaq: (-1,83%)

• Setores: Destaque positivo para Utilities XLU (+0,18%). Na ponta negativa, Tecnologia XLK (-1,37%), Consumo Cíclico (-1,80%) e Biotecnologia (-3,56%). Ações ligadas a viagens, de hotéis, empresas de cruzeiros e companhias aéreas foram especialmente afetada. Entre os papeis, NVR Inc (+3,43%) e Vertex Pharmaceuticals (+9,6%), foram as maiores altas do S&P 500. Liderando as perdas, Salesforce.com (-11,7%) e Moderna (-11,8%).

• Dólar: a moeda norte-americana avançou 0,59%, cotada a R$ 5,67.

• Economia: Os dados da folha de pagamento privada da ADP que mostraram 534.000 postos de trabalho foram criados no mês de novembro, acima das expectativas de 506.000.

Notícias Corporativas

Snowflake ($SNOW)
As ações da companhia de computação em nuvem, Snowflake, operavam em alta de 12% no after-maket, após a divulgação dos seus resultados trimestrais. As receitas somaram U$ 344 milhões, um avanço de 109% YoY, e o prejuízo por ação foi de -U$ 0,51, melhor que o esperado.
As receitas com vendas de produtos cresceram 110% em relação ao mesmo período do ano anterior, para U$ 312,5 milhões. O número de clientes cresceu para 5.416, com 148 deles contribuindo com mais de U$ 1 milhão em receitas nos últimos 12 meses.
Para o quarto trimestre, a companhia projeta receitas de produtos na faixa de U$ 345 milhões e U$ 350 milhões, o que representaria um crescimento ano a ano entre 94% e 96%. A projeção veio acima da estimativa de consenso de U$ 315,9 milhões.
Hoje, o valor de mercado da Snowflake é de U$ 94 bilhões e seus papeis acumulam alta de 10,5% no ano.

CrowdStrike ($CRWD)
A empresa de cybersegurança, CrowdStrike, reportou seus resultados referentes ao terceiro trimestre fiscal, após o fechamento do mercado. Suas receitas totalizaram U$ 380 milhões, um crescimento de (+63,5%) e o lucro por ação foi de U$ 0,17, ambos acima das estimativas dos analistas. Durante o trimestre, foram adicionadas mais de 1600 assinaturas de novos clientes.
A companhia elevou o guidance para o resto do ano, projetando receitas de aproximadamente U$ 1,43 bilhão e um lucro por ação entre U$0,57 e U$0,59, ante uma perspectiva anterior de U$0,43 a U$0,49.
A CrowdStrike está avaliada hoje em U$ 47 bilhões e negocia a 41x sales. Suas ações subiam cerca de 3% no after-market, e no ano, caem aproximadamente 4,8%.

FiveBelow ($FIVE)
A varejista, FiveBelow, excedeu as estimativas dos analistas ao reportar seus números trimestrais. Suas receitas totalizaram U$ 607 milhões no período, um acréscimo de +27,5% ano a ano, e o lucro por ação foi de U$ 0,43, acima do consenso de U$ 0,29.
As vendas comparáveis cresceram 14,8% em relação ao 3o trimestre do ano passado e a margem bruta ficou na casa dos 33,3%. A companhia abriu 52 novas lojas e encerrou o trimestre com mais de 1100 lojas distribuídas por 40 estados americanos.
Para os últimos três meses do ano, as vendas líquidas devem ficar na faixa de U$ 985 milhões a U$ 1 bilhão, com base na abertura de 17 novas lojas e assumindo um aumento de aproximadamente 2% a 4% nas vendas comparáveis. O lucro líquido deve ficar entre U$ 133 milhões e U$ 140 milhões.
As ações da FiveBelow operavam em alta de 10% após o expediente. Hoje, a companhia vale cerca de U$ 10,7 bilhões e negocia a 33x lucros para 2022. Seus papeis acumulam alta de 8,1% este ano.

O que esperar para o mercado hoje:

• Ásia: as bolsas asiáticas fecharam com resultados variados entre si na quinta-feira, também afetadas pela variante Ômicron do coronavírus, com queda na China continental e no Japão, mas alta em Hong Kong e na Coreia do Sul.

• Europa: Na Europa, o índice Stoxx 600 cai mais de 1%, com destaque negativo de ações do setor de tecnologia. Todos os setores e as principais bolsas operam no vermelho.

• Futuros: futuros em NY sobem recuperando parte das perdas de ontem. S&P +0.7%, Nasdaq +0.4% e Dow +0.8%. Petróleo WTI sobe após cair mais de 6% nos dois últimos dias enquanto o mercado aguarda a reunião da Opep+ que discutirá a produção.

• Agenda: Pedidos Iniciais de Seguro Desemprego…lembrando que amanha tem payroll.

• Balanços: Toronto Dominion Bank, Marvell Technology, Dollar General, DocuSing, Kroger Company e Ulta Beauty.

Gostou deste artigo?

Se inscreva na nossa newsletter e fique por dentro de tudo

    Desejo receber atualizações de notícias, eventos e ofertas.

    Ainda não é cliente?

    Abra sua sua conta sem custos para ter acesso a todo o nosso material

    Abra sua conta
    Precisa de ajuda?