Como foi o mercado ontem:

As bolsas de Nova York não tiveram um sinal único na sexta-feira. Tivemos a aprovação do pacote de medidas sociais e climáticas do presidente Joe Biden. Depois de semanas de negociação, o Build Back Better, de Biden, foi aprovado na Câmara em quase US$ 2 trilhões. O investimento deve ser voltado para educação, saúde e mudanças climáticas. Agora, o pacote vai para o Senado, onde a negociação deve ser mais dura. Além disso, tivemos o Pentágono solicitando um orçamento multibilionário a quatro companhias de tecnologia para o desenvolvimento de um sistema em nuvem – são elas: Microsoft, Alphabet, Amazon e Oracle. Pela primeira vez, o Nasdaq ultrapassou os 16 mil pontos no fechamento, acompanhado pelo valor máximo histórico das ações da Apple (AAPL). Fonte.

• Dow: (-0,75%)
• S&P: (-0,14%)
• Nasdaq: (+0,40%)

• Setores: destaque negativo para as empresas de petróleo com o ETF de empresas mais focadas em exploração caindo 5% (XOP) e o de produção e distribuição caindo 4% (XLE). Outro setor que não foi bem foi o varejo com o XRT caindo 2.5%. Na ponta oposta destaque positivo para o setor de tecnologia com o XLK subindo 0.7% e o de Utilities (XLU) com alta de 0.6%. Entre os papeis, a Hess Corp (HES) focada em exploração de petróleo caiu 5.8% e a Devon, também do segmento de petróleo com queda de 6.3%. Na ponta positiva a Intuit (INTU) – empresa de tecnologia que presta o gerenciamento de serviços contábeis – subindo 10.1%; e outra que foi bem foi a Micron (MU) de chips, que subiu 7.8%.

Dólar: O dólar fechou alta na sexta-feira, pela quinta sessão consecutiva, em meio a crescentes expectativas de que o banco central dos Estados Unidos apertará sua política monetária mais cedo do que o esperado. A moeda norte-americana subiu 0,70%, cotada a R$ 5,6080. Na semana, o dólar acumulou alta de 2,75%. No ano, tem valorização de 8,11%.
 

Notícias Corporativas

Foot Locker (FL)
As ações da Foot Locker (FL) caíram 12% na sexta-feira apesar da empresa divulgar resultados acima das expectativas do mercado.
Receitas: US$ 2,18 bilhões vs. expectativas de US$ 2,14 bilhões.
Lucro por Ação: US$ 1,52 vs. expectativas de US$ 1,40.
As vendas totais apresentaram um crescimento de 3,9% em relação ao mesmo período de 2020 e 13,3% em relação ao 3o trimestre de 2019, quando ainda não tínhamos os efeitos da pandemia. Além de números de vendas maiores, a empresa viu uma redução de 1,9% no custo dos produtos o que elevou sua margem bruta de 30,9% para 34,7% e sua margem operacional de 8,5% para 9,0%. Ou seja, para cada dólar vendido, cerca de US$ 0,35 é lucro bruto e US$ 0,09 é lucro operacional.
Do lado negativo, o lucro líquido da companhia antes de ajustes com impairment e despesas tributárias caiu 40,4%, de US$ 265 milhões para US$ 158 milhões. Após os ajustes, porém, houve crescimento de 57%, de US$ 128 milhões para US$ 201 milhões.
A companhia informou que os problemas na cadeia de suprimentos devem persistir nos próximos trimestres, mas que está preparada para a temporada de férias de inverno, com estoques em níveis suficientes para atender a demanda dos clientes.
A Foot Locker (FL) possui um valor de mercado de US$ 5,8 bilhões e suas ações sobem 42,3% no ano de 2021.

 

O que esperar para o mercado hoje:

• Agenda: teremos uma semana mais curta no mercado americano dado o feriado de thanks giving na quinta-feira; com isso mercado operará apenas meio turno na sexta e com liquidez reduzida. Destaque para os dados que saem na quarta: pedidos de auxílio desemprego, vendas de casas novas, Pedidos de Bens Duráveis, PIB do 3T e Ata do FOMC.
O avanço das covid-19 na Europa e na China segue no radar dos investidores.

• Ásia: bolsas em tons mistos com o Asia Dow cedendo 0.6%. Tivemos queda em Hong Kong e Índia, mas alta nas bolsas chinesas, Japão e Cingapura.

• Europa: Fim de semana marcado por protestos anti-lockdown violentos na Áustria e na Holanda. As tensões entre Rússia e Europa seguem elevadas, após o serviço de inteligência americano revelar que 100 mil soldados russos estão estacionados na fronteira com a Ucrânia. Mercados em alta agora pela manha com o Stoxx 600 subindo 0.15%.

• Futuros: apontam altas de 0.3%.

Gostou deste artigo?

Se inscreva na nossa newsletter e fique por dentro de tudo

    Desejo receber atualizações de notícias, eventos e ofertas.

    Ainda não é cliente?

    Abra sua sua conta sem custos para ter acesso a todo o nosso material

    Abra sua conta
    Precisa de ajuda?