Sabe quais são as principais bolsas de valores do mundo? Existe uma ampla gama de opções e elas podem ser uma alternativa para você conseguir diversificar e encontrar novas oportunidades de investimento.

As bolsas de valores abrem a possibilidade para você se tornar sócio de empresas de variados nichos – e, quando falamos em bolsas internacionais, de nichos que são muito pouco representados no Brasil, como tecnologia, cibersegurança, biotecnologia, entre outros.

Há dois modos principais de obter ganhos nas bolsas: com o aumento no valor de mercado das empresas, quando você pode, eventualmente, vender suas ações, ou no momento em que você recebe lucros em forma de dividendos.

O investimento ao redor do mundo costuma gerar bastante interesse, e muitos ainda desconhecem o verdadeiro tamanho dos mercados no exterior. Pensando nisso, reunimos informações sobre as principais bolsas de valores do mundo na lista abaixo. Continue a leitura.

1. NYSE

A NYSE foi fundada em 1792, e é considerada uma das bolsas de valores mais antigas do mundo. Ela está localizada em Nova Iorque, nos Estados Unidos. De maneira precisa, fica localizada na ilha de Manhattan, em Wall Street, o principal centro financeiro mundial.

No primeiro semestre de 2021, a bolsa americana tinha mais de US$ 25 trilhões em valor de mercado e quase 2.000 empresas listadas.

Entre algumas das empresas presentes, estão o LinkedIn, a Pepsi, Nike, FedEx entre outras. Também há diversas companhias brasileiras listadas na NYSE, como a Gol Linhas Aéreas Inteligentes, Gerdau, entre outras.

2. Nasdaq

A bolsa foi criada em 1971 e representou a evolução do mercado de capitais americano. Desde seu início, ela teve como uma de suas principais marcas o uso intensivo da tecnologia em seus sistemas, tornando-se a primeira bolsa eletrônica ao redor do mundo. Com isso, ela também atraiu o interesse de gigantes da tecnologia.

Assim, enquanto a NYSE costuma trazer nomes de setores mais tradicionais, relacionados a commodities, indústrias e empresas consolidadas há muito tempo, a Nasdaq foi se destacando entre empresas mais novas no mercado.

Ela costuma abrigar empresas de alta tecnologia, informática, telecomunicações, biotecnologia, entre outras. Nesse contexto, a Nasdaq é uma das bolsas mais conhecidas do mundo.

Em junho de 2021, a Nasdaq contava com mais de US$ 22 trilhões em valor de mercado e mais 3 mil companhias listadas. Você pode encontrar ações, por exemplo, de empresas como Tesla, Amazon, Netflix, Google, Apple, eBay, Facebook, Microsoft, entre outras. Entre companhias brasileiras listadas na Nasdaq, se destacam nomes como XP Inc e Stone.

O índice Nasdaq Composite é um dos principais termômetros para as ações da bolsa. Ele mede o valor de mercado geral dos ativos negociados na Nasdaq. Por meio do acompanhamento dessa métrica, torna-se possível verificar se as principais ações da bolsa estão se valorizando ou não.

Vale notar, também, que o índice de ações S&P 500 reúne tanto empresas listadas na NYSE quanto na Nasdaq.

3. Shanghai Stock Exchange

A Shanghai Stock Exchange (SSE) é a principal bolsa de valores da China e a terceira maior do mundo. Em junho de 2021, o valor de mercado da bolsa chinesa era de aproximadamente US$ 7,6 trilhões.

No mesmo período, havia quase 2.000 empresas listadas na SSE e de diversos segmentos, especialmente da economia local.

Suas principais representantes são empresas que originalmente tinham forte presença estatal, como bancos comerciais e seguradoras. Entre algumas companhias que estão na bolsa chinesa estão a China Life, Bank of China e a PetroChina.

O principal índice utilizado para medir o desempenho geral da maior bolsa chinesa é o SSE Composite Index.

4. HKSE

A história da Hong Kong Stock Exchange (HKSE) começou em 1891, quando ainda era conhecida como Stockbrokers’ Association of Hong Kong – a alteração de nome ocorreu apenas em 1914.

O valor de mercado em junho de 2021 era de US$ 6,8 trilhões, o que a coloca na quarta posição do ranking mundial, assumindo, por pouco, uma vantagem sobre o mercado japonês de ações.

Entre as companhias mais conhecidas listadas na bolsa de Hong Kong estão a China Mobile, AIA e a Tencent.

O principal índice para acompanhar o desempenho das ações listadas na HKSE é o Hang Seng Index.

5.Tokyo Stock Exchange

A Tokyo Stock Exchange é a quinta maior bolsa de valores do mundo e a principal bolsa de valores japonesa. Você também pode encontrar referências a ela como Japan Exchange Group, que é a holding que unificou as operações da Tokyo Stock Exchange e da Osaka Exchange em 2013.

Em junho de 2021, o valor de mercado era de US$ 6,7 trilhões.

Empresas de vários segmentos da economia estão na bolsa japonesa, mas é provável que você conheça especialmente algumas representantes do setor automotivo, muito presentes no Brasil: a Honda, a Mitsubishi e a Toyota. Para os fãs de videogames, há nomes como a Nintendo, por exemplo. A relação de companhias listadas é extensa: são quase 3.800 empresas, segundo números do fim de junho de 2021.

Os principais índices da bolsa de Tóquio são o Nikkei 225 e o TOPIX.

6. Euronext

Trata-se da sexta maior bolsa de valores do mundo e a maior da Europa. Ela foi originalmente fundada por meio da união das bolsas de valores de Amsterdam, Paris e Bruxelas. Atualmente, ela também inclui os mercados de Dublin, Lisboa e Paris.

Mas, se considerarmos o mercado mais antigo sob seu guarda-chuva, o de Amsterdam, as origens da Euronext remontam ao século 17.

O valor de mercado em junho de 2021 era de US$ 6,5 trilhões. Aproximadamente 2.000 empresas estão listadas no mercado europeu. Entre elas, estão nomes como L´Oreal, Sanofi, ArcelorMittal, Carrefour, Airbus, Royal Dutch Shell, Unilever, entre outras.

Os índices de ações mais conhecidos são a Euronext 100 e o CAC 40, que representa as ações negociadas em Paris.

7. Shenzhen Stock Exchange

Mais uma representante chinesa na lista. A Shenzhen Stock Exchange foi fundada em 1990 e é o segundo maior mercado de ações chinês. Ela se diferencia da Shanghai Stock Exchange por trazer mais nomes de empresas de menor porte ou emergentes. Ela também costuma ser o local de preferência onde as pessoas físicas operam na China.

Em junho de 2021, a bolsa marcava um valor de mercado de US$ 5,8 trilhões, com quase 2.500 companhias listadas.

O principal índice de ações para os investidores acompanharem o desempenho da bolsa é o Shenzhen Composite Index.

8.LSE

A London Stock Exchange (LSE) é outra bolsa de valores que está na lista das mais relevantes do mundo. Como o próprio nome já diz, a bolsa é originária de Londres e foi fundada oficialmente em 1801, uma das mais antigas desta lista.

O valor de mercado da bolsa britânica era de US$ 3,7 trilhões em junho de 2021, e ela conta com cerca de 2 mil empresas listadas. Entre elas estão o HSBC, a Unilever, a Vodafone Group e a British Energy.

O índice mais utilizado com o objetivo de medir o desempenho da bolsa é o FTSE 100. Mas existem diversas opções, como o FTSE 250 Index, o FTSE 350 Index, entre outros.

Bônus: B3

Em termos globais, a bolsa brasileira não entra na lista de maiores mercados do mundo. Em termos de valor de mercado, o resultado é de US$ 1,1 trilhão, segundo dados para junho de 2021. Em alternativas para diversificar, também fica distante dos participantes desta lista: são apenas 369 nomes de empresas listadas.

Mas, como este texto é voltado para investidores brasileiros, decidimos adicioná-la a esta lista para conhecimento, e para poder colocar em perspectiva o mercado nacional em relação aos principais mercados ao redor do mundo.

A B3 é o nome da bolsa de valores brasileira. Sua história começa em 1845, ainda como Bolsa de Valores do Rio de Janeiro. Já em 1890 a empresa deu início à Bolsa Livre de São Paulo, e em 1967 passou a ser conhecida como Bovespa. O nome da bolsa como conhecemos hoje somente foi adotado em 2017.

A bolsa está localizada em São Paulo. Entre algumas das companhias listadas estão a Vale, o Itaú, a Ambev, o Bradesco, a Petrobras, entre outros.

Alguns dos principais ativos negociados na bolsa brasileira são de companhias pertencentes ao sistema financeiro nacional e de empresas produtoras de commodities. Desse modo, o comportamento geral do mercado sofre influências mais relevantes destes dois setores.

O Ibovespa é o principal índice para acompanhar as ações listadas na B3, mas há outros, como o IBrX100, o SMLL, que mede o desempenho das small caps, o ICON, para commodities, o BDRX, para BDRs, entre outros.

Existem diversas bolsas de valores no mundo para quem investe em renda variável. E a Avenue foi a primeira corretora fundada por brasileiros e para brasileiros a abrir as portas do mercado americano, o maior do mundo, para todos os investidores locais de modo simples e rápido.

O mercado internacional oferece diversas possibilidades para você diversificar seu portfólio de acordo com seu perfil de investidor. Explorar em sua carteira de investimentos outra região geográfica e em moeda forte pode ser uma estratégia para a proteção do seu portfólio.

Mas lembre-se de que, embora a diversificação possa ajudar a espalhar riscos, ela não garante lucro nem protege contra perdas. Sempre existe o potencial de perder dinheiro quando você investe em produtos financeiros.

Por isso, os investidores devem considerar cuidadosamente seus objetivos e riscos de investimento antes de investir. O preço de um determinado título, por exemplo, pode aumentar ou diminuir com base nas condições do mercado. Ainda que o mercado americano seja historicamente menos volátil que o brasileiro, ainda há o potencial de perdas, incluindo do seu investimento original.

Gostou? Agora que já sabe quais são as principais bolsas de valores do mundo, relembre como montar o seu planejamento financeiro para começar a investir.

Gostou deste artigo?

Se inscreva na nossa newsletter e fique por dentro de tudo

    Desejo receber atualizações de notícias, eventos e ofertas.

    Ainda não é cliente?

    Abra sua sua conta sem custos para ter acesso a todo o nosso material

    Abra sua conta
    Precisa de ajuda?