Avenue

Por

William Castro

Formado em economia pela UFRGS – RS. Em 2004, iniciou sua carreira na Solidus Corretora, com passagens pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Foi sócio, analista-chefe e um dos principais porta-vozes da XPInvestimentos. Também foi sócio e líder de gestão da VGRGestão de Recursos. Possui as certificações Series 7 e 24. É estrategista-chefe, sócio e porta voz da Avenue desde 2018.

Compartilhe este post

Expectativa x Realidade

Expectativa Índice cheio: +0,3% m/m e +2,6% a/a;

Índice veio em +0,3% e +2,7%, respectivamente.

 

Expectativa do Núcleo: +0,3% m/m e +2,6% a/a;

Núcleo avançou +0,3% e +2,8%, respectivamente.

 

LEITURA, IMPACTO E ABERTURA

O índice de inflação mais acompanhado pelo Fed veio acima da expectativa do mercado, tanto no índice cheio como no núcleo (o qual exclui alimentação e energia). É mais um dado que vem demonstrar a resiliência das pressões inflacionárias e que reforça o ajuste as expectativas de cortes de juros serem adiadas. Ainda assim, a curva de juros americana não reagiu de forma negativa aos dados e opera flat. Dólar index subindo, mas em leve queda frente ao real. Bolsa opera em alta, mas principalmente suportada pelas altas de Microsoft e Alphabet, após a divulgação dos seus resultados.

Tanto os componentes de serviços como os de bens contribuíram de forma positiva para a inflação sendo que a componente de serviços subiu mais do que a de bens. Dentro da componente serviços, os maiores aceleradores da inflação foram saúde e moradia. Isso acaba por não ser uma leitura positiva, no sentido que o mercado aguarda há vários trimestres pela desaceleração do componente moradia. Quanto a serviços, gasolina, energia, gastos recreativos e alimentação, foram os componentes que mais cresceram. No mês contra mês vimos uma inversão, com o componente de bens tendo contribuído mais que a de serviços, reflexo dos aumentos em energia.

 

A leitura do mês de janeiro foi revista para cima, com o dado do núcleo subindo para 2,9% a/a, de 2,8% a/a, anteriormente.

 

@willcastroalves

Estrategista-chefe da Avenue Securities

 

DISCLAIMER

A Avenue Securities LLC é membro da FINRA e da SIPC. Oferta de serviços intermediada por Avenue Securities DTVM. Veja todos os avisos importantes sobre investimento: https://avenue.us/termos/.

As expressões de opinião são a partir desta data e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Não há garantia de que estas declarações, opiniões ou previsões aqui fornecidas se mostrem corretas. Este material está sendo fornecido apenas para fins informativos. Qualquer informação não é um resumo completo ou uma declaração de todos os dados disponíveis necessários para tomar uma decisão de investimento e não constitui uma recomendação.

 Não há garantia de que essas opiniões ou previsões aqui fornecidas se mostrem corretas.

Os links estão sendo fornecidos apenas para fins informativos. A Avenue não é afiliada e não endossa, autoriza ou patrocina nenhum dos sites listados. A Avenue não é responsável pelo conteúdo de qualquer site ou pela coleta ou uso de informações sobre os usuários de qualquer site.

Por

William Castro

Formado em economia pela UFRGS – RS. Em 2004, iniciou sua carreira na Solidus Corretora, com passagens pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Foi sócio, analista-chefe e um dos principais porta-vozes da XPInvestimentos. Também foi sócio e líder de gestão da VGRGestão de Recursos. Possui as certificações Series 7 e 24. É estrategista-chefe, sócio e porta voz da Avenue desde 2018.

chat de atendimento Fale com a gente