Compartilhe este post

A Apple reportou nesta quinta-feira (02/11/2023), depois do fechamento dos mercados, seus resultados com números acima do esperado, mas mostrando queda nas receitas das maioria de seus gadgets, com exceção ao iPhone. Com isso, suas ações repercutiram negativamente.

Ainda que relacionado aos números com fechamento em 30 de setembro, a Apple reportou o seu resultado referente ao quarto trimestre fiscal e consolidado do ano. O lucro líquido foi de US$ 22,96 bilhões, contra US$ 20,72 bilhões em lucro líquido de um ano atrás. As vendas somaram US$ 383,29 bilhões, uma queda de cerca de 3% em relação ao ano fiscal de 2022 da Apple.

As vendas de iPhone sua principal linha de receita cresceu 2% ante mesmo trimestre do ano anterior e foi a única linha de hardware que apresentou crescimento de vendas – este resultado considerou apenas uma semana de vendas do iPhone 15. O CEO da Apple, Tim Cook, disse à CNBC que o iPhone 15 estava se saindo melhor do que o iPhone 14 durante o trimestre de setembro do ano passado. As vendas de Mac ficaram abaixo das expectativas, caindo quase 34% anualmente – vale a ressalva que a base de comparação fica prejudicada uma vez que o mesmo trimestre no ano passado, quando as vendas de Mac’s atingiram sua máxima histórica após a empresa superar uma enorme interrupção no fornecimento de peças e componentes. A receita dos iPads caíram de forma significativa, cerca de 10% em relação ao mesmo período do ano passado. E a unidade de negócios de wearables da Apple (AirPods e Apple Watch) também reportou queda de receita, no caso de 3% ante o ano passado. Como highlight positivo a empresa informou crescimento de 16% em sua divisão de serviços online (assinaturas como armazenamento iCloud, Apple Music, AppleCare, entre outros), com receitas que atingiram US$ 22,31 bilhões.

Em relação a China, terceiro maior mercado consumidor da empresa, apesar de todos os receios a empresa manteve receitas flat (inalteradas) por lá. A Apple disse que vai pagar dividendos de US$ 0,24/ação este mês e disse que a empresa gastou US$ 25 bilhões durante o trimestre em recompras de ações e dividendos.

 

Resultados Gerais:
– Receitas: US$ 89,50 bilhões vs. US$ 89,31 bilhões esperados pelos analistas.
– Lucro por Ação: US$ 1,46 vs. US$ 1,39 estimado.
– Receita de iPhone: US$ 43,81 bilhões vs. US$ 43,81 bilhões esperados.
– Receita de Mac: US$ 7,61 bilhões vs. US$ 8,63 bilhões esperado.
– Receita de iPad: US$ 6,44 bilhões vs. US$ 6,07 bilhões esperado.
– Receita de Wearables: US$ 9,32 bilhões vs. US$ 9,43 bilhões esperados.
– iPad: US$ 6,44 bilhões vs. US$ 6,07 bilhões esperado.
– Receita de Serviços: US$ 22,31 bilhões vs. US$ 21,35 bilhões esperado.
– A Apple possui um valor de mercado de aproximadamente US$ 2,8 trilhões, P/E (price/earnings) de 29,82, dividend yield de 0,54% e no ano as suas ações sobem 36,66%.

 

Para mais resumos como este, acesse o blog da Avenue: https://avenue.us/resultados-trimestrais/

 

Fale com a gente