Compartilhe este post

A Tesla (TSLA) reportou seus resultados nesta quarta-feira (24/01/2024), depois do fechamento do mercado com números abaixo do esperado pelo mercado e suas ações repercutiram negativamente caindo no after market.

A Tesla reportou um crescimento de 3% ano contra nas receitas totais do trimestre, para um total de US$ 25,17 bilhões, com o mercado esperando US$ 25,61. Foram entregues 484.507 veículos no 4T23 (+20% na comparação com o 4T22), e mais de 1,8 milhão em 2023 (crescimento de 38% ante as entregas de 2022), número recorde. No entanto, esse volume maior de vendas se deu graças a diversos cortes de preços que a empresa implementou ao longo do ano, o que justifica o baixo crescimento nas receitas – no segmento automóvel o crescimento no trimestre foi de somente 1% a/a nas receitas (+15% no total do ano). Nos seus outros 2 segmentos (menos relevantes em termos de receitas), a empresa apresentou um forte crescimento de receitas no ano frente 2022: +54% na sua divisão de energia; e +37% na divisão de Serviços.

Os custos operacionais cresceram cerca de 27% relativamente ao ano anterior e, considerando a fraca expansão de receitas, a empresa viu seu lucro operacional diminuir 47% a/a, no trimestre e 35% a/a no ano. Sua margem de lucro operacional caiu para 8,5% no 4T23. Além dos menores preços, a empresa culpou o aumento nas despesas operacionais “parcialmente impulsionado pelos gastos com desenvolvimento de Inteligência Artificial e outros projetos de pesquisa e desenvolvimento”. Na última linha, a empresa registrou um benefício fiscal sem efeito caixa de US$ 5,9 bilhões referente a uma reavaliação de ativos fiscais diferidos. No ano seu fluxo de caixa livre caiu 42% ante 2022, para US$ 4,358 bilhões.

Para 2024 a empresa informou que “sua taxa de crescimento do volume de veículos poderá ser notavelmente inferior à taxa de crescimento alcançada em 2023, uma vez que parte das equipes de trabalho estão envolvidas no lançamento de uma nova geração de veículos a ser produzida na GigaFactory do Texas”. Além disso, durante o trimestre, a Tesla começou a vender Cybertrucks e já havia informado que espera uma evolução de vendas mais lenta que outros modelos, dada a sua complexidade de fabricação.

 

Números Gerais:

– Receitas: US$ 25,17 bilhões vs. US$ 25,61 bilhões esperado pelos analistas.

– Lucro por Ação: US$ 0,71 ajustado vs. US$ 0,73 estimado.

– A Tesla possui um valor de mercado de cerca de cerca de US$ 665 bilhões, P/E (price/earnings) de 67,44, não paga dividendos e no ano as suas ações caem15,46%.

 

Para mais resumos como este, acesse o blog da Avenue: https://avenue.us/resultados-trimestrais/

 

DISCLAIMER

A Avenue Securities LLC é membro da FINRA e da SIPC. Oferta de serviços intermediada por Avenue Securities DTVM. Veja todos os avisos importantes sobre investimento: https://avenue.us/termos/.

As expressões de opinião são a partir desta data e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Não há garantia de que estas declarações, opiniões ou previsões aqui fornecidas se mostrem corretas. Este material está sendo fornecido apenas para fins informativos. Qualquer informação não é um resumo completo ou uma declaração de todos os dados disponíveis necessários para tomar uma decisão de investimento e não constitui uma recomendação.

 Não há garantia de que essas opiniões ou previsões aqui fornecidas se mostrem corretas.

Os links estão sendo fornecidos apenas para fins informativos. A Avenue não é afiliada e não endossa, autoriza ou patrocina nenhum dos sites listados. A Avenue não é responsável pelo conteúdo de qualquer site ou pela coleta ou uso de informações sobre os usuários de qualquer site.

 

Fale com a gente