Avenue
Compartilhe este post

A Uber reportou nesta terça-feira (01/08/2023), pela manhã, os seus resultados do 2T23 que foram mistos em relação às expectativas do mercado. O aplicativo de transporte privado divulgou guidances otimistas para o ano e lucro operacional, apesar da queda na receita, resultado este que fez as suas ações reagirem negativamente.

Entre os destaques, seu lucro por ação foi de 18 centavos, superando a expectativa de 1 centavo de prejuízo, mas a receita foi de US$ 9,23 bilhões, abaixo da expectativa do mercado de US$ 9,33 bilhões. A empresa comemorou duas conquistas importantes durante o trimestre: alcançou pela primeira vez um fluxo de caixa livre superior a US$ 1 bilhão e obteve seu primeiro lucro operacional GAAP. O EBITDA ajustado foi de US$ 916 milhões, crescendo 152% em relação ao ano anterior, enquanto as reservas brutas (valor total das transações realizadas em sua plataforma, antes de descontos, comissões e outras despesas serem subtraídos) totalizaram US$ 33,6 bilhões, crescendo 16% em relação ao ano anterior. Os principais segmentos de negócios da Uber apresentaram desempenhos positivos. A divisão de Mobilidade registrou reservas brutas de US$ 16,73 bilhões, crescimento de 25% a/a, enquanto a divisão de Entrega teve reservas brutas de US$ 15,60 bilhões, crescimento de 12% a/a. No entanto, o negócio de frete viu suas vendas no trimestre caírem para US$ 1,28 bilhão, em comparação com US$ 1,83 bilhão do mesmo trimestre do ano anterior. Outros números positivos incluem um aumento no número de usuários ativos mensais da plataforma Uber, que atingiu 137 milhões, crescendo 12% a/a. Além disso, foram realizadas 2,3 bilhões de viagens na plataforma durante o período, um aumento de 22% a/a.

Olhando para o futuro, a Uber revelou seus guidances para o próximo trimestre. Espera-se que as reservas brutas estejam entre US$ 34 bilhões a US$ 35 bilhões e o EBITDA ajustado entre US$ 975 milhões a US$ 1,025 bilhão. Ambos os números superam as expectativas de Wall Street. No entanto, o CEO Dara Khosrowshahi disse durante a reunião com investidores que o CFO Nelson Chai deixará a empresa em janeiro de 2024, o que gera incerteza ao mercado.

Resultados Gerais:

– Receitas: US$ 9,23 bilhões (+14% a/a) vs. US$ 9,33 bilhões esperados pelos analistas.

– Lucro por Ação: US$ 0,18 vs. US$ -0,01 estimado.

– Mobilidade (reservas brutas no app): US$ 16,73 bilhões (+25% a/a).

– Entrega (reservas brutas no app): US$ 15,60 bilhões (+12% a/a).

– A UBER possui um valor de mercado de aproximadamente US$ 95 bilhões, Foward P/E (price/earnings) de 151,81, beta de 1,23, não paga dividendos e no ano as suas ações sobem cerca de 87%.

 

Para mais resumos como este, acesse o nosso canal no Telegram: https://t.me/avenuesec

Fale com a gente