Converta seus BDRs da XP em ações na Nasdaq

Itaú / XP

Por que investir em recibo, se você pode ter o original?

Conversão BDR
Conversão BDR
Itaú / XP

Acionistas do Itaú Unibanco receberão uma participação na XP Inc. nos próximos dias, e agora eles se deparam com uma escolha: se tornar um verdadeiro acionista internacional ou receber um papel em versão abrasileirada.

O Itaú Unibanco comprou uma participação relevante na XP em 2017, e agora está conduzindo o processo de spin-off, entregando aos seus acionistas no Brasil BDRs da XP Inc. – ou seja, recibos de ações negociadas nos EUA.

Com isso, os acionistas do Itaú terão uma oportunidade que não aparece todo dia: eles podem se tornar acionistas diretos na XP Inc. nos EUA, trocando seus recibos por ações negociadas no maior mercado do mundo.

O processo de migração pode ser simples e rápido. Antes disso, preparamos um guia prático para você entender a operação em detalhes:

Onde a XP Inc. é listada?

A corretora brasileira optou por realizar seu IPO e listar suas ações nos Estados Unidos, na Nasdaq. Ela, portanto, não tem ações negociadas no Brasil – o que os acionistas locais vão receber são BDRs, ou seja, recibos emitidos no Brasil dessas ações americanas.

Quem é a XPart?

Essa é uma sociedade criada em maio de 2021 pelo conglomerado Itaú Unibanco para segregar a linha de negócio do banco na XP Inc.

Ou seja, a XPart foi criada com o único objetivo de consolidar a participação acionária do Itaú no capital social da XP Inc., já tendo em vista esta operação de spin-off.

Com isso, os acionistas do Itaú Unibanco passaram a ter o direito a receber ações da XPart na mesma quantidade, espécie e proporção das ações detidas por eles em ITUB3 e ITUB4.

A reorganização societária

Com a decisão do Itaú Unibanco de conduzir a reorganização em sua participação na corretora, a XP Inc. apresentou uma proposta para incorporar a XPart.

A relação de troca será a seguinte: a cada 43,3128 ações ITUB3 ou ITUB4, o acionista terá direito a 1 BDR da XP Inc. Assim, um lote de 1.000 ações do banco, por exemplo, dá direito a 23,0879 BDRs.

Itaú / XP

Por quê?

A incorporação tem como objetivo oferecer aos acionistas da XPart a oportunidade de se tornarem investidores diretos na XP Inc. Segundo a XPart, o objetivo é promover maior liquidez nas ações, com potencial de aumento no valor de mercado de seus investimentos.

Quem vai receber BDRs?

Investidores que detinham ações do Itaú Unibanco (ITUB3 ou ITUB4) na data de corte – após o fechamento do pregão de 1º de outubro – irão receber os BDRs da XP Inc. Os acionistas de ITUB3 ou ITUB4 não precisam tomar nenhuma providência para receber os BDRs.

Quando a migração pode ser feita?

A partir de 6 de outubro, os acionistas do Itaú que receberem BDRs da XP Inc. poderão solicitar a conversão dos papéis em ações negociadas diretamente nos EUA.

Como se
tornar sócio
de verdade da XP Inc.

Os detentores de BDRs da XP Inc. estão recebendo, na realidade, recibos de uma ação – eles não são, portanto, acionistas diretos da corretora.

O processo de migração para ser um investidor internacional é simples.

Para isso, é preciso ter uma conta de investimentos no exterior, preencher o documento para a conversão dos seus investimentos e enviar para a sua corretora.

Na Avenue, facilitamos esse processo:

  1. A abertura de sua conta nos EUA pela Avenue leva poucos minutos e é feito de modo totalmente digital.
  2. Para realizar o processo de migração para a Avenue, preencha o formulário abaixo. No arquivo que disponibilizamos a seguir, você encontra também o passo a passo sobre como preencher corretamente.
  3. Preenchido o documento, basta enviar para a sua corretora no Brasil.

Por que trocar BDRs por ações?

Se você ainda está na dúvida entre converter seus BDRs em investimento direto nos EUA, selecionamos 15 possíveis motivos para você investir.

Você sabia, por exemplo, que o Imposto de Renda para operações com lucro nas bolsas americanas é isento para vendas mensais de até R$ 35.000, enquanto na bolsa brasileira o BDR não conta com nenhuma isenção de IR?

Para saber mais sobre o tema, não deixe de conferir nosso material especial com 15 mitos e verdades sobre BDRs.

Precisa de ajuda?